Deixe um comentário

Nada além de tudo

Não existe dúvida de que hoje à noite a nossa tarefa está muito além da dificuldade. Precisamos vencer por dois gols de diferença contra um adversário com quem jogamos três vezes e nas três vezes fracassamos. O time joga mal, a escalação não é a ideal para a torcida e o técnico e a diretoria… Bom, não é a hora de pensar na lógica.

Porque a lógica fatal e definitiva é que perderemos hoje à noite.

Perderemos sim. Fracassaremos. Acordaremos na sexta-feira pela manhã de ressaca sem o gosto do álcool e irritados sem ter o que fazer. Os jornais chilenos desprezarão nossa história e só Deus sabe o que será do amanhã. Essa é a única lógica irrefutável que os resultados e os profetas da mediocridade tecerão.

Porém, nós sabemos que a lógica é um atleta enganador, que só faz gols em estaduais e só entra para jogar bem quando o jogo já está ganho. Mais do que isso, sabemos que o Flamengo não é lógico.

Sabemos que o Flamengo está aí para tornar o impossível, possível. O rubro-negro tem como marca a superação do improvável. É nossa marca cumprir a sina de demonstrar que nada está escrito se não vivemos. Porque é só nos momentos que existe o Flamengo.

O Flamengo não existe nas dependências da Gávea, não existe em uniformes de futebol. O Flamengo está onde não se vê. Está onde se sente.

Porque o Flamengo já existia antes que eu e você respirássemos pela primeira vez e existirá quando nós suspirarmos no nosso fim. Existirá quando o nada for a única coisa visível. Porque, apesar de todas as suas glórias, o Flamengo é abstratamente nada além de tudo. Ao menos, tudo que importa.

É a pureza do propósito que garante a firmeza da jornada. E não há nada mais puro do que o ser Flamengo.

Porque o Flamengo existe todos os dias para nos lembrar que somos nós que decidimos o nosso rumo. Há o Flamengo para que se saiba que ninguém é mestre de ninguém e que nada está tão alto que não alcancemos. Há o Flamengo para que reafirmemos nossa certeza de que somos senhores dos nossos destinos e capitães das nossas almas.

E se nosso destino é vencer, nossa alma é, definitivamente, rubro-negra. Esta, senhores, é a única certeza imutável em nossas vidas. E só nós entendemos o que significa. Porque só nós acreditamos.

E somente nós importamos nesses momentos.

http://twitter.com/tcordeiro

http://www.interney.net/blogs/15minutos/

Anúncios

Sobre flamengonet

jornalista

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: