Deixe um comentário


PAPO DE SEXTALuciana Zogaib


Recordar é Viver…

Presente já antecipado de aniversário, ganhei essa semana a Bíblia do Campeonato Brasileiro de Roberto Assaf (História Completa do Brasileirão), e nesses dias de moral baixa com a realidade, nada como rever nossas glórias para renovar o fôlego e pensar grande como grande é o nosso Mengão.
Ao abrir o livro, a primeira foto é de Zicão erguendo a taça de 87. Mas fui direto ao início dos anos 80, ao tempo mágico do Mengo. E lendo a história do campeonato de 1982 fica realmente a constatação de como nosso futebol mudou para pior.
Aquele também foi um ano de Copa, a da Espanha, e o povo na expectativa com a participação Brasileira, lotava os estádios com público total de quase seis milhões de torcedores e média de quase 20mil por jogo. Naquele tempo, o campeonato era disputado por 40 times!!!
A seleção contava basicamente com jogadores atuando no Brasil, exceto Falcão e Dirceu, e o Mengão cedeu 3 (Leandro, Júnior e Zico). Raul, ao ficar de fora, disparou: “Quem joga no Flamengo não precisa de seleção.” Ele que foi o personagem da nossa conquista daquele ano, com defesas históricas.
Aquele também foi o campeonato das viradas, tendo o Mengão virado ou ao menos buscado o empate em 10 dos 23 jogos que disputou. Pela primeira vez o campeonato foi decidido em 3 finais e o público total foi de quase 280mil. Naquele ano, Felipão estreava como treinador no alagoano CSA.
A decisão acabou sendo fora do Maraca depois de dois empates (1×1 no Maraca e 0x0 no Olímpico). No terceiro jogo em Porto Alegre, com gol de Nunes aos 10 minutos o Mengão se tornou Bi deixando o Grêmio de Leão, De León, Batista, Paulo Isidoro, Baltazar e Renato Gaúcho com o vice. O Fla dos últimos 5 anos ganhava quase tudo e tinha realmente uma verdadeira seleção, mas muito ainda tinha por vir.

Campanha:
23 jogos / 14 vitórias / 7 empates / 5 derrotas
57 gols pró / 30 gols contra

Artilheiro:
Zico com 21 gols

Elenco:
Goleiros: Raul e Cantarelli
Zagueiros: Leandro, Marinho, Mozer, Junior, Figueiredo e Antunes
Apoiadores: Adílio, Andrade, Peu, Popéia e Vitor
Atacantes: Zico, Tita, Lico, Nunes, Reinaldo, Anselmo, Chiquinho e Edson
Técnico: Paulo Cesar Carpegiani

Hoje, com o hexa no peito, a realidade é bem diferente. Entraremos em campo no Maraca para tentar buscar a reabilitação. O time vem um pouco renovado e as esperanças caem sobre Pet, Renato Abreu e Leandro Amaral. É hora da massa chegar junto e curtirmos o Maraca nessa fase de pré fechamento. E até nisso grandes mudanças a vista. Estádio com a capacidade mais que reduzida, arquibancadas e cadeiras ganharão outro formato e o campo novas dimensões.

Não tem como não sermos saudosistas…

SRN

Twitter: http://twitter.com/luzogaib
Futeblog: http://luzogaib.wordpress.com

Anúncios

Sobre flamengonet

jornalista

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: