Deixe um comentário

Calúnia do Rúbio Negrão


Sejemos cinseros, curtos e grossos: onde está Adriano?

Quando morou aqui no Rio de Janeiro, o monitoramento sobre a sua vida beirava a perfeição. A gente sabia com quem saía, aonde ia, o que bebia, a até o tipo de arma preferida.

Em Roma, idem. A mírdia seguia diligentemente todos os passos do Imperador, fossem eles dados com suas próprias forças, fossem passos dados apoiado nos colegas de esbórnia.

Agora em São Paulo, Adriano sumiu. Digo “sumiu” não no sentido de “emagreceu”, mas no de “se escafedeu”. Por exemplo, a esta hora (que nem sei qual é), ele provavelmente se encontra no aconchego do lar, com uma xícara de chá numa mão, a revista Veja na outra, e o tornozelo para cima a fim de apressar a cura da lesão.

Só que me escapa completamente a razão de a mírdia escrotiva não divulgar esse fato tão abonador. Quantos jovens postulantes à espinhosa carreira de boleiro estão perdendo essas lições de profissionalismo extremado? Quantos admiradores do Imperador ficam ansiosos sem ter quaisquer informações sobre a recuperação do seu ídolo? Quantos investidores do Timão (versão pré-CNN) se perguntam quando terão algum retorno dessa bombástica contratação?

Por outro lado, o R10 todos sabem onde está. A boate, o motel, as companhias, o preço das companhias, e até a forma de pagamento das companhias. A seu favor, coitado, o R10 só tem a dizer que, pelo menos, também está dentro de campo jogando, e não “se jogando”, como uns e outros selecionáveis por aí.

A verdade é que algo mudou drasticamente na cobertura adrianistica. Se no Rio Adriano andava de moto, em São Paulo ele circula blindado. O que me leva a bolar uma teoria da conspiração: não estaria Adriano em franco processo de beatificação?

Tudo bem. Se não tal extremo, pelo menos em São Paulo o Imperador conseguiu, merecidamente, arregimentar súditos leais e verdadeiramente dedicados.

Antes tarde do que nunca.


Duplex Toc Zen

1 – Aos preocupados com a disparada do gambá paraguaio, digo apenas uma palavra: Tite.

2 – Aliás…: Esse sucesso repentino dos gambás não tá me cheirando bem.

3 – Rumo à Espanha: A desclassificação prematura dos hermanos em plena Argentina fez o Messi voltar pra casa mais cedo.

4 – Para alguns, pênalti é loteria; pros selecionáveis é Mega-Sena: Quanto ao fracasso da seleção gansinho, digo, canarinho, não vejo razão pra alarde. Lembrem-se de que na Copa passada a seleção do Dunga também saiu do Brasil desacreditada e… tá bom, o exemplo foi ruim.

5 – Descaso: É inaceitável que o IBAMA, que deveria proteger as aves, deixe a seleção da CBF sujar impunemente o nome dos patos, gansos, pavões e cacatuas!

6 – Copa América: Que se dane esse torneio que nem dá vaga pra Libertadores!

7 – Alex Silva 1: Finalmente vamos zerar o perigo das bolas altas sobre a nossa área. Agora, pra resolver de vez o problema do “jogo aéreo” na Gávea, só falta conseguirmos evitar os voos desnecessários de certos diretores para Mônaco.

8 – Alex Silva 2: Ao escolher o número 44, o novo zagueiro quis sugerir que ele dá dois Angelins?

9 – “Guardiola: ‘The priority is a striker’” – Site oficial do Barcelona: Pronto Luxa. Já estamos iguais a eles.

2014 – Copa no Brasil: E a gente aqui pensando que o problema era só a falta de infraestrutura do país…

11 – Kleber, Love, Fernandão, André, Ariel, Jonas e Amauri: Quando os Três Patetas vão aprender que pra contratar atacante não precisam partir com tudo pro ataque?

12 – Experiência administrativa: Parabéns aos nossos dirigentes pelas mostras de evolução profissional nas tratativas com Kleber, Love e André. Finalmente eles aprenderam que o ato de entrar num leilão não obriga ninguém a adquirir o produto.

13 – Jael, o Cruel 1: Sem medo de errar, afirmo que será ídolo ou será folclórico.

14 – Jael, o Cruel 2: Sem medo de errar, afirmo que fará jus ao apelido, sendo cruel ou com o adversário ou com a nossa torcida.

15 – Nova dupla de ataque: Jael, o Cruel – Deivid, o Piedoso.

16 – Agora é sério: Muita gente boa se opondo à contratação do novo centroavante, mas as nossas opções eram Jael, o Cruel ou Deivid, o Ruim.

17 – Kleber: Se sendo apenas um bom jogador ele já se valoriza ao extremo, se fosse craque nem entraria em campo.

18 – Corinthians desiste de Tevez: Já trataram o Carlitos de feiosodentudo e baixote, mas de factoide foi de uma crueldade sem precedentes.

19 – Aviso aos navegantes: Em virtude dos episódicos (e nem tão episódicos assim) casos envolvendo falsidade ideológica recentemente verificados no Echo, a administração do Blog da Flamengonet vem comunicar a seus dignos (e nem tão dignos assim) comentaristas a abertura do RECADASTRAMENTO OBRIGATÓRIO, que terá lugar próximo à estátua do Bellini (Portão 13-B) do Maracanã (ao lado do caminhão de entulhos da Emop). Todos os comentaristas deverão apresentar-se na próxima sexta-feira, das 9h às 18h, munidos de carteira de identidade ou dinheiro para suborno a fim de receber suas novas senhas de acesso ao Echo. A administração do Blog desde já agradece a compreensão de todos, reafirmando seus incansáveis esforços para que este insigne site não se transforme num novo INSS.

20 – Felicidade Urbana 1: Tudo a ver com o Mengão. Ou o R10 não é quem mais faz compras coletivas no Brasil?

21 – Felicidade Urbana 2: Espero que esse troço de vendas coletivas” nada tenha a ver com a liquidação da nossa base.


22 – Twitter Cassetadas da semana:

Aí o cara me pergunta se o primeiro nome do Chapolim é Charles.

“Pedro Solberg, do vôlei de praia, é mais um pego no antidoping.” Daqui a pouco, o Jobson vai ser beatificado.

“Depois de falhar o Plano C (Kleber), Flamengo volta ao Plano B (André).” Ainda bem que o alfabeto tem 26 letras.

Depois da “Novela Kleber”, tudo indica que vai começar o “Love Story”.

Argentinos felizes pela eliminação da Copa América, porque acham que deveriam disputar a Eurocopa.

“Adilson Batista assume São Paulo.” Bem, pelo menos alguém ali assumiu.

Quem já teve Falcão ter que contar com Ganso é dose.

Um fim de semana sem o Mengão faz o Brasileirão lembrar muito a Série B.

#vergonhabrasil: uma coisa é perder NOS pênaltis. Outra bem diferente é perder OS pênaltis.

Calma no Brasil. Uma seleção perder 4 pênaltis no mesmo jogo não é motivo pra desespero. Lembrem-se de que o Palermo SOZINHO já perdeu 3.

Ainda bem que a seleção foi desclassificada. Teria sido vergonhoso conseguir ganhar do Paraguai só nos pênaltis.

Small Club Corinthians Paulista: finalmente o Corinthians tirou o passaporte.

Após o fracasso da #agranja contra o Paraguai, vem aí #afazenda.

A janela de transferências se fecha amanhã. Meu medo não é de quem tá fora e não poderá entrar, mas de quem tá dentro e não vai poder sair.

A CNN sempre indo a fundo no jornalismo investigativo. Apesar de o Corinthians ser acobertado pela mídia local, eles descobriram a verdade.

São tantos desconhecidos que eu nem me pergunto “que é esse?”, mas sim “quem é isso?” #afazenda

Prefiro Jael, o Cruel ao Dinei. Acho que impõe mais respeito. #afazenda

Na condição de procurador, estou de olho num ex-jogador pra ver se o denuncio, ou não, ao STJGay. A conferir.

E nada mais faço, a não ser que comer legumes às refeições seja considerado trabalho.
Anúncios

Sobre flamengonet

jornalista

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: