Deixe um comentário

Calúnia do Rúbio Negrão

Sejemos cinseros: tanto se falou em renovação do elenco rubro-negro durante 2011, que os nossos indigentes, digo, dirigentes, resolveram ouvir a voz da torcida: renovaram. Só lamento que tenha sido com o Renato.

Ora, “renovação” e “Renato” são palavras que não podem vir juntas na mesma frase. Justifica-se um Pet com 37 anos. Justifica-se um Ronaldinho, com 31. Justifica-se até um Zico, com 58. Mas justifica-se um Renato com 32? Talvez nem com 29!

E caso se justifique, certamente não será em prol do time do Flamengo, e sim de algum envolvido no pocesso, perdão, processo. Porque o que mais se vê hoje em dia é o mercantilismo em pele de profissionalismo.

Porém, em nome da justiça e dos bons serviços prestados ao Clube, um parêntese se faz necessário. Muito mal falamos sobre o Renato no ano passado, mas não podemos nos furtar de elogiá-lo pelo nobilíssimo sacrifício que ele se impôs em nome da paz mundial: abandonou o seu programa nuclear, deixando de ser “atômico”. Hoje, é um pacifista que não faz mal a ninguém.
Parece cornetagem minha? Pobre de mim, apenas um maldotado torcedor que gasta (e não ganha) dinheiro com o Flamengo! Tá, admito não saber exatamente a diferença entre as funções de um zagueiro e as de um primeiro volante, só que isso não me torna necessariamente um corneteiro chato e ignorante. Sou antes um adepto ferrenho do famoso e eficiente carrossel holandês.

Daí que entendo perfeitamente o torcedor que se arvora de treinador, assim como compreendo o treinador que se arvora de empresário, e o jogador que se arvora de comentarista ou celebridade. O torcedor pode (e deve) chiar, não por saber do que está falando, mas por viver numa democracia. E o ônus de se viver numa democracia é ter de ouvir, e poder falar besteiras homéricas.

Porém, nunca, jamais, em hipótese alguma, seja qual for a besteira, duvidem do amor que flamenguistas sentem pelo Flamengo, principalmente aqueles idólatras que outorgaram o Troféu Largo Tudo ao R10.

No meu caso particular, apesar das asneiras que digo, sigo fielmente uma filosofia de vida. Ela pode não estar muito em voga, principalmente no meio esportivo, mas além de ser correta, é cômoda pra burro: “Não sei, não faço. Deixo pra quem sabe.” É mais ou menos como o “1+1=2” no âmbito da matemática.

É chato, mas é fato: sem dinheiro suficiente para novidades interessantes, a ponto de a simples manutenção dos principais jogadores do time ser vendida à torcida como contratação de impacto, os nossos comandantes (ou capitães) agora deram para buscar atletas em fim de carreira, como o excelente Juan e ou o simplesmente Bolívar. No caso deste, vejam vocês, o seu empresário chegou a falar que o Flamengo tinha perdido a preferência na contratação! Dizer o quê? Por se tratar de jogador da terceira idade, nem chamarei tal afronta de “leilão”, mas apenas de “bingo”.

Diante disso, darei o meu humilde veredicto, ciente de que posso estar muito certo, muito errado, ou ambos: se por um lado é loucura montar um time só de “revelações” dos juniores, por outro, é puro reacionarismo brecar essa garotada toda enfeitada (exceção feita ao bravo Thomás) em favor de homens feitos e que já passaram da idade de usar shorts.

Mas com tudo isso acontecendo, e nós aqui na net dando milho aos pombos, ainda confiamos inabalavelmente num 2012 no mínimo espetacular. E vamos iniciá-lo acompanhando atentamente os nossos garotos na Copinha, onde poderão demonstrar se realmente estão à altura de seus sonhos: jogar no Barcelona ou no Manchester United.


Duplex Toc Zen

1 – “Thomás foge do estilo boleiro e estuda inglês”: Esse não almeja o futebol internacional. Prefere jogar no Flamengo dirigido pelo Joel Santana.

2 – Só pra esclarecer um troço: Quando a mídia usa o termo “Copinha”, está se referindo à Copa São Paulo de Futebol Júnior, ou à Copa de 2014?

3 – No ano passado, o nosso elenco já enxugava todas: Imaginem, então, neste ano, bem mais enxuto…

4 – Enquanto alguns boleiros jogam no lixo as suas carreiras…: … Outros pagariam uma fortuna apenas para cheirá-las todinhas.

5 – Como o Echo passou a receber muitos “Convidados”, pergunto: Onde fica o open bar desse bufê?

6 – “Flamengo já enviou oferta a russos para ter Vagner Love.” – Lancenet: “Parcelada……” – @ Unabomber Flamenina. “O Flamengo acha q os clubes estrangeiros são Casas Bahia…” – Gabriel Vasconcelos.

7 – Luxa Facts 1: Muito me surpreende o Luxa, homem tão chique e refinado no trajar, detestar usar a prata da casa.

8 – Luxa Facts 2: Pra melhorar o time do Flamengo, não basta substituir o Renato: não pode ser pelo Fierro.

9 – Luxa Facts 3: O sonho do Luxa é dirigir um time cujo uniforme seja traje social completo só pra não parecer soberbo nos seus ternos italianos.

$ – Luxa Facts 4: Como o Luxa ganha um bom salário, ele prefere contratar jogadores desconhecidos para evitar onerar os cofres rubro-negros.

11 – Luxa Facts 5: Apesar do Luxa não ter realizado o seu sonho de ser um sanitarista, ele sempre contrata jogadores de qualidade duvidosa porque ainda alimenta a esperança de descobrir alguma nova praga.

12 – Luxa Facts 6: A birra do Luxa com os juniores vem da época em que ainda jogava, quando perdeu a posição para um junior chamado… Júnior!

13 – Luxa Facts 7: Os juniores não conseguem render sob o comando do Luxa porque se lembram de que ele foi o cara que barrou o Neymar.

14 – Luxa Facts 8: Ninguém entendeu o porquê do Luxa ter tentado mudar o nome do volante Muralha. Muito mais lógico teria sido ele tentar mudar o nome do lateral-esquerdo Júnior César.

15 – Luxa Facts 9: A paixão do Luxa é mesmo o pôquer, porque em matéria de jogo, ele valoriza mais uma boa mão do que dois pés excelentes.

16 – Luxa Facts 10: Para que o Mengão não volte a ser tão prejudicado pela arbitragem quanto foi em 2011, o Luxa tornará a usar ternos na beira do campo, porque finalmente percebeu que, no Brasil, só se respeitam colarinhos-brancos.

17 – O Mengão na Copinha: Observando como o novo penteado 3 em 1 do Muralha se comporta em condições reais de jogo. (No salão é uma coisa, no gramado é outra.)


18 – Twitter Cassetadas da semana (em tempo real só em @rubionegrao):

“Fla tenta trazer Juan de volta para a Gávea.” Esse Juan é aquele zagueiro que estava na Roma, ou o avô dele?

Faltam 2 dias pra acabar o ano. É. Acho que aquela cartomante q disse q eu iria ficar rico em 2011 me tirou de otário e ficou c/ minha grana

A seção “Entretenimento” do Globopontocom pensa que os leitores são todos tarados. “Entretenimento” pra eles é sinônimo de baixaria.

Não é que 2011 tenha sido ruim pra mim, mas… VAZA 2011 MALDITO!

Resolução de ano novo: ser mais otimista. Agora deixa eu ir lá trancar a porta, se não é capaz de um ladrão entrar e roubar tudo.

“Copacabana celebra 2012 pedindo paz e sustentabilidade.” Mas se a polícia conseguir coibir os arrastões já tá bom demais.

Resolução de ano novo: parar de acreditar quando o trocador do ônibus disser: “Fico te devendo 50 centavos.”

Resolução de ano novo: não desperdiçar meu tempo assistindo TV, e usá-lo em algo mais útil, como ficar na janela.

“Globopontocom: trazendo o trash da TV pra telinha do seu PC.”

“Ju Paes usou calcinha?Estilista diz q vestido transparente tem segredo.” Eu ia comprar umas ações da Vale, mas depois dessa, melhor esperar

Conhecem aquela piada do chinês que jogava um bolão? Ainda não inventaram.

“Flamengo envia proposta por Love.” É, mas o verdadeiro amor não se compra.

Cansei, nada mais faço.
Anúncios

Sobre flamengonet

jornalista

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: