1 comentário

Taça River Não Pode Ser o Target

Tentei contar até 10 para esquecer todas as mazelas que assolam o nosso Flamengo neste início de 2012. Porém, foi só chegar ao 9 que me lembrei do Deivid e meu mantra da calma foi pro beleléu. Com Joel Santana e seus volantes, o Flamengo estava quase fechando o Patrocínio Master com a Volkswagem, mas daí o nosso centroavante perdeu um Novo Gol e estragou tudo… Entretanto, o atacante-curupira não pode carregar sozinho o fardo da eliminação de uma semifinal de Taça Guanabara. Não! Tudo bem que se ele tivesse acertado o gol que nos deixaria em vantagem, creio eu que o vice sairia para o ataque buscando o empate, brindando o Natalino com a coisa que ele mais gosta: o contra-ataque.

Mas, antes que algum dirigente do clube pragueje um “Pede para o Zico lhe ensinar a fazer gols novamente. Foi ele quem lhe contratou.”, vale ressaltar que o Flamengo do primeiro tempo jogou muito bem, mas o da segunda etapa voltou do vestiário covardemente minúsculo e tropeçando em suas próprias pernas. Daí a derrota é uma pena que se paga por ter Welinton e Gustavo na zaga, Renato atuando (se arrastando?) por 90 minutos e Ronaldinho se escondendo quando mais a Nação precisa que ele chame a responsapra si. Ah, sem falar das peças de reposição no banco de reservas, já que o treineiro, que tantos chamam de “papai”, está preterindo os jovens Lucas, Muralha, Thomás, João Victor, Adryan e ainda fez de Luiz Antônio, um patinho feio.
Bom, não adianta debater mais sobre o defunto. O que passou já é pretérito e a vida segue. Ficar choramingando por partida perdida, mesmo que seja para o vice, é coisa de buátafoguense. Como bem escreveu Tiago Cordeiro em seu texto, eu também só espero que esta derrota no Estadual não sacrifique novamente a Libertadores. Por mais que prioridade seja vencer, vencer e vencer, eu prefiro focar um Bi internacional a um 33º título Carioca. Sim, porque eu acredito que contratar Vagner Love, R10 e Cia seja um investimento pra se ganhar tudo, mas/e principalmente, o título mais importante do continente. Até porque Carioquinha a gente conquista com Souzas, Obinas, Rodrigos Mendes e com os Tutas da vida…

Enfim, torço para que a priority não seja a Taça River. Que Joel não play a Libertadores com time mixed. Que o target não seja apenas to be champion carioca novamente.
Bruno Cazonatti
Anúncios

Sobre flamengonet

jornalista

Um comentário em “Taça River Não Pode Ser o Target

  1. Concordo 100% contigo Cazo…perdemos pq fizemos um segundo tempo, com todas as limitaçoes fisicas,inerentes ao periodo pos-carnavalesco…pifio desempenho fisicoMais irritada fiquei com a ja conhecida omissao e amarelice cronica do Dono do Time, do q com o gol, incrivelmente, perdido por Deivid.Queria mesmo ter esperanças de disputar a Liberta, mas ta osso.Parabens pelo peso certo na caneta, na hora de criticar.Bjks

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: