Deixe um comentário

Chatubão Reloaded?

Na semana em que foco deveria ser o jogo desta quinta-feira, contra os paraguaios (para quê?) do Olímpia, o rebuliço da flamengada nas redes sociais – e dos coleguinhas de imprensa – é sobre a estapafúrdia volta de Adriano. Haja paciência! Os informes midiáticos começaram a bombardear notícias enfadonhas que afirmam que o Impera pode voltar ao Mais Querido, após pífia e descompromissada passagem pelo time sem-Libertadores. Fala sério, né? Vão dizer que ele novamente está infeliz? Ora bolas, vai se tratar com especialista porque o Flamengo não é consultório psiquiátrico!

Agradeço por tudo o que ele fez em 2009, mas hoje não acho que o atacante é o cara ideal para voltar ao Flamengo. Mesmo se houver contrato com cláusulas específicas sobre disciplina, não se pode arriscar com quem rasga dinheiro por aventuras etílicas e rabos-de-saia. E nem se o salário dele for pago com bebida e meretrizes. Eu sei que ele poderia nos render um baita patrocínio master, quem sabe do Barra Music, da casa de entretenimento adulto 4×4 e até mesmo da Furacão 2000 no baile do Chatubão. Mas, apesar de ser reduto da tia Patrícia, o Flamengo não pode virar uma espécie de casa da Mãe Joana.

Adriano de hoje está longe de ser aquele Imperador. Se ele fez o que fez num clube que tinha fiscalização até sobre os seus peidos, imagine por aqui, onde churrasco e pagode parecem rolar soltos na concentração? Será que ele viria “recuperar a sua felicidade” de graça? Sim, pois já que se diz muito Flamengo, é cria da Gávea e só fica alegrinho debaixo das asas do urubu, então vem no amor que eu quero ver.

Ué, mas não foi esse mesmo jogador – que se diz rubro-negro até a última gota de pinga -, que abandonou o time em 2010, quando partiu para o Roma? Pois é, aquele mesmo cara que largou tudo após o Hexa, abriu mão do Tetra Estadual e jogou uma Libertadores à moda c@r#lho…
Não gostaria de ver um Flamengo novamente à base do vâmo-que-vâmo. Até hoje há dívidas com São Judas e não podemos contar sempre com a sorte, ou com um Engov antes e depois de uma ressaca. Pois é nítido que há muito tempo Adriano não leva mais o futebol a sério. Não é hora de o Flamengo atrair mais problemas. Senão, correremos o risco de jogarmos campeonatos ao léu por conta de Chatubas e gostosas mulheres-frutas amarradas em árvore. Espero que o ex-Imperador vá balançar seu cuscuz em outros bailes, bem longeda Gávea!

 Ih…, mas se não tiver Baccardi.

                                               Ou licor de maracujá.

Tequila, rum ou caipirinha.
O AAdriano não vai voltar… 

Bruno Cazonatti

Anúncios

Sobre flamengonet

jornalista

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: