5 Comentários

Calúnia do Rúbio Negrão

Sejemos cinseros e analfabéticos: antes do advento da internet, ou melhor, dos blogs, redes sociais e site pornográficos, os torcedores eram uns mal informados, pois sabiam do que rolava no mundo cão dos esportes por fontes ainda mais mal informadas do que eles. Isso quando não mal-intencionadas. Era um tal de radialista metido a piadista dando pitacos (quando não outras coisas teoricamente de mais valia), de amigo do peito contando vantagem… E era também um tal de torcedor sendo obrigado a ser crédulo, mesmo sabendo que havia algo errado naquilo tudo.

Então, o torcedor colocava o seu pequeno pedaço de informação no bolso, verdades e mentiras misturadas, e com ele partia rumo ao escritório, boteco, festinha infantil e estádio. E era para defender esse parco conhecimento da realidade dos fatos que o torcedor debatia, discutia e até saía no braço. Muita gente boa e pacífica que eu conheço já chegou em casa com o nariz quebrado, e até hoje não acha justo o preço pago em sangue só por ter partido de premissas duvidosas.

Hoje, felizmente, os “jornalistas” da mírdia escrotiva estão ficando cada vez mais obesos, porque não conseguem se livrar das barrigas. Sim, o torcedor já tem onde buscar a informação inteira, ou ao menos parte dela, porém correta. Ou quase, o que já é muita coisa. Só que, e aí vem outro dilema, pois esta vida não é fácil, se por um lado, a sempre nobre verdade inclui coisas duras e estranhas como “o flamengo não terá estrelas em 2013”, por outro há também deliciosas mentiras, do tipo “traremos Robinho ou Kaká”. De modo que, deixo claro, esta Calúnia não critica opção alguma. Gosto não se discute, e intensidade menos ainda. Para muitos, o futebol só existe quando o time de sua preferência entra em campo. Para outros, é de suma importância saber até o cardápio que o nutricionista do clube escolheu pro dia do jogo.

Porque apesar de eu não estar acostumado a lidar com fatos, protegido que fico aqui no mundo perfeito do meu quitinete bancado e abastecido por papai, o fato é que cada vez mais ficam evidentes os dois campos opinativos em que se encontram divididos os torcedores de futebol no Brasil. Cenão vejemos e erremos: o flamenguista que recebe informações do jornal de papel e do radinho de pilha é injustamente tido como um simplório que engole fatos consumados e quimeras com o mesmo apetite. Ora, trata-se apenas de uma pessoa para quem o prazer do futebol inclui fofocas. Há também, por outro lado, o rubro-negro esclarecido que segue aquele diretor do Clube no Twitter, e, portanto, conhece os bastidores das notícias (ou será um dos primeiros a conhecê-los), e que trata o futebol como se ciência exata fosse.

Neste assunto, e somente neste assunto, que fique bem claro, estou propenso a ser sóbrio. Apesar de respeitar os dois campos, e sentir uma ponta de inveja dos que vão dormir sonhando alto após os programas esportivos noturnos, passei a ter os dois pés no chão. Não por ser um amante da realidade, que definitivamente não é a minha praia, mas pelo fato de a mentira estar perdendo a graça. Já não espero pelas contratações fantásticas e fantasiosas de fim de ano com o mesmo entusiasmo. E por isso agradeço à gestão rubro-negra anterior, que matou em mim o prazer de sonhar com grandes nomes do futebol europeu assim que percebi que aquela turma realmente seria capaz de contratá-los, a um custo fatal para o clube. Hoje, tento tender para a lógica, sim, porém sem fanatismo, porque se dela dependesse o mundo, R11 não seria imprescindível ao time, Pet não teria sido hexa em 2009, as abelhas não voariam, e eu não teria voz nem em jornal de grêmio estudantil.

Enfim, como ainda sou humano, reservo-me apenas uma expectativa, esta sim a meu ver absolutamente viável: que Adriano volte a jogar em alto nível pelo Flamengo, fazendo uma dupla de ataque infernal com Karl-Heinz Rummenigge.

Duplex Toc Zen

1 – O Renato é como vinho antigo: Um reserva especial, que quanto mais velho fica, melhor finaliza. (Em homenagem ao grande enólogo @alextriplex.)

2 – Pra quem dizia que o Renato não fazia falta, taí: Fez duas no mesmo jogo.

3 – Aliás, o Renato é mesmo especializado em faltas: Falta velocidade, falta técnica, falta explosão…

4 – Analogia vadia: O Ramon é uma espécie de Júnior Capacete, só que sem a técnica.

5 – Val, 29 anos: Contratação pontual ou que já passou do ponto?

6 – “É um jogador de 29 anos, que tem a possibilidade de ir para um time um pouco maior e ganhar mais.” – Manuel da Lupa: É “berdade”, “seo” Manel. O Flamengo é um pouco “maiore” que 500 Portuguesas.

7 – Ah, “seo” Manel da Lupa: O “jogador branquinho” que queres pelo Luis Ricardo, ó pá, não vos dou! Vos dou é um “jogador banquinho”. Vais?

8 – O Flamengo não foi “vice” do cariocão, e sim “café com leite” do Cariocão: Porque foi o único time de Série A a disputá-lo.

9 – E o bidesclassificado SPFW colheu o que plantou lá atrás: Mandioca e nabo.

24 – Antes da reforma, havia banheiros femininos e masculinos no Maracanã: Agora, há banheiros femininos e tricolores. 

11 – E o Jorginho vai conseguindo montar o seu time devagarinho, devagarinho: Recuperou o Léo Moura, efetivou o Renato, espera pelo Cáceres, e só lamenta que o Rubens Barrichello não jogue futebol.

12 – “Bebeto pressiona Juve e revela oferta do Real por Mattheus: Quem diria? Depois de ter pendurado as chuteiras, o Baianinho passou a dominar a arte da cavadinha… 

13 – E o nosso selecionado, hein?: É escrete ou escroto?

14 – Twitter Cassetadas da semana (em tempo real só em @rubionegrao)

“Balotelli perde noiva por causa de aposta.” Vai ver a moça ficou poota por ele ter apostado no time errado.

Corinthians e SPFC sifu na Liberta, Palmeiras na segundona, Santos totalmente Neymar dependente… É o futebol paulista de vento em proa.

Corinthians, SPFC e Fluminense estão com suas classificações na Libertadores muito bem encaminhadas… Encaminhadas pra casa do cacete.

O Fla só vendeu o “lado A” da camisa pra Caixa, enquanto o Corinthians vendeu também o “lado B”. E comenta-se que o Flu venderá o “lado C”.

O site do Botafogo fez uma montagem dos Vingadores com um Thor afrodescendente. Agora entendi o porquê dos chifres no capacete do Odin.

Aliás, na montagem do site do Botafogo, o “Capitão América” tá mais pra “Capitão África”.

E aí? Foi hoje que o Rogério Ceni conseguiu encostar a língua na ponta do nariz?

Botafogo campeão. Hoje o Cariocão morreu mais um pouco.

A prosseguir nesse ritmo alucinante, este ano o Botafogo não cai. Até já imagino qual time será o cavalo paraguaio do Brão 2013.

Bem que o Flamengo podia olhar com carinho pras revelações desses times da segundona que foram bem nos regionais: Mogi, Resende, Botafogo…

Como insider do Flamengo, cravo seco: são boatos as informações de que o “jogador branquinho” do Flamengo pretendido pela Lusa seja o Nixon.

4×0: o SPFC vai tentar segurar o resultado, que lhe é muito confortável.

E nada mais faço, só na cerva, golaço.

(Ás do quinta-colunismo esportivo, Rúbio Negrão, vulgo Rubro-Negão Trolhoso, vulgo RNT, é cria dos juniores do blog da Flamengonet, e aceita doações de camisas oficiais novas do Flamengo no tamanho G.)

Anúncios

Sobre @rubionegrao

Humildemente, um ás do quinta-colunismo esportivo.

5 comentários em “Calúnia do Rúbio Negrão

  1. texto muito bom,,, vou ser sincero , queria o Kaka jogando com o manto , seria legal.

    • Velson, brigadú! O Kaka no auge seria mesmo uma boa, mas não creio que venha em função do alto salário. Mesmo assim, sinto cheiro de título este ano.

      SRN do RNT

  2. Rúbio, o tempo da mídia especulation Tabajara está findando. Hoje temos um torcedor mais antenado e ligado na ‘verdade’ de seu clube.

    Agora, pergunta que não quer calar:

    Seria Renato o Munrá (ThanderCats) do futebol? O caneleiro de vida eterna?

    Parabéns pelo texto e SRN!

    • Imprensa, concordo plenamente. Ainda tem muita gente que curte um Giro Esportivo, uma seção de esportes do Extra, mas a cada dia essa legião de sonhadores perde adeptos.

      Quanto ao R11, sempre gostei dele, e continuo gostando, como pessoa e como atleta. Neste exato momento, mostra ter utilidade, pois sem ele no time o meio de campo me parece muito estabanado. Só que o R11 deverá perder espaço em função das novas contratações.

      SRN do RNT

  3. Rúbio, sim, hoje é titular com folga. SRN!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: