Deixe um comentário

Calúnia do Rúbio Negrão

Dizem por aí que “recordar é viver”. Talvez isso explique a razão de eu não curtir a vida: minha memória não é propriamente a de um elefante. De elefante, no máximo o “corpitcho”, já que enfrentei uma monumental buchada no domingo passado. Ou teria sido na segunda-feira?

Não importa. O que nos interessa neste exato momento, que é o momento de que melhor consigo me lembrar, é que eu queria fazer uma pequena analogia entre o vitorioso ano de 2009 e este incerto 2013. Nos idos de 2009, a expressão “dar dinâmica ao time” era exaustivamente utilizada nas análises das atuações do então faz-tudo do Mengão, o Everton. Oficialmente, o garoto jogava na lateral, mas aparecia lépido e lesto em todos os cantos do gramado.

Isso em 2009. Hoje, em 2013, exatos 15 anos depois (não sou nenhum Luiz “@lavfilho” Filho, mas de subtração envolvendo números de até quatro algarismos eu saco MUITO), já que minhas quase sempre construtivas críticas não conseguem ressuscitar o Cadu, pelo menos ressuscitarei o termo “dinâmica” ao dissecar o nosso Luiz Antônio. Sejemos cinseros e analfabéticos: ao contrário do quase sempre estático Cadu, Luiz Antônio confere uma interessante dinâmica ao nosso time, uma mobilidade tal que começa a exigir sua efetivação no time titular. Mano Menezes simplesmente precisa arrumar uma vaga pro nosso promissor meia (ou volante?). Onde, não é mais problema meu, que não recebo um tostão do Mengão. Talvez ali na vaga do Cadu, uma vez que ficou definitivamente provado que o esporte do rapaz não é o futebol. O cara está mais pro golfe, e mesmo assim só se contar com uns 5 caddies, e o golf cart tiver acesso a todos os buracos do percurso, com direito a dar a primeira tacada sentado.

Cenão vejemos e erremos: há jogadores, como Tita e Zinho, chamados de “curingas” por atuarem em mais de uma função. (Jogarem BEM, obviamente, porque quem exerce várias funções mal e porcamente é “biscateiro”.) Agora, como chamar jogadores do naipe do Everton e do Luiz Antônio, que fazem posições ainda desconhecidas até para os mais inovadores estrategistas? “Kama Sutras”?

De modo que já passou da hora de resolver esse impasse, porque tem muita gente boa por aí que enche a boca pra exigir Luiz Antônio como titular, mas amarela assim que questionado “Como, onde, no lugar de quem?”. Realmente, um constrangimento desnecessário e imerecido para o correto torcedor, um pesado castigo apenas por ter imaginado que o treinador quase milionário soubesse a resposta.

Verdade é que, na maioria das vezes, é mais cômodo e seguro escalar um Jailton da vida, de quem conhecemos os erros e fraquezas, a arriscar um Thomás, que ainda nem sabe quanto calça. Principalmente, meus leais detratores, quando o time do Mengão ainda está oscilando bastante durante os jogos, mais até que as barrigas e os buzanfãs dos competentíssimos e preparadíssimos árbitros, inclusive os carecas.

Por outro lado, nessas situações é que aparece o grande treinador. Da mesma forma que houve quem deslocasse o Negueba do meio pro ataque, e até quem colocasse o Adryan isolado na ponta esquerda, houve também quem adiantasse o Adriano da lateral para a “centroavância”.

Por essas e por outras, o bravo Joel Santana não é mais chamado nem pra treinar Grêmio, Vasco e Fluminense, pelo menos nos anos em que disputam o intercâmbio Série A-Série B na primeirona.

E já que o tema maldito foi levantado, deixo aqui um pensamento aos rivais justificadamente preocupados com suas iminentes quedas pra segundona: não temam, coirmãos, porque a terrível Série B nada mais é do que uma espécie de Viagra dos clubes de futebol. Quando um time cai, é graças à Série B que ele consegue subir novamente. É uma fórmula poderosa e comprovada, que perde em eficácia somente para a Série C, que sozinha já conseguiu reerguer um carioca em poucos minutos, e isso que o folgado ainda tava com a cara cheia de champanhe.

Duplex Toc Zen

1 – Já que a galera tá amuada, vamos iniciar os trabalhos logo com uma piadaça: Maxi Biancucchi é o artilheiro absoluto do Brasileirão.

Podem pegar ar. Eu espero.

2 – “Hoje quero bater no Fla.” – Luxemburgo: Fala com o cara que filmou o Ronaldinho pra botar na internet, que ele te faz um preço mais em conta.

3 – Enquanto o Luxa gosta de pagar pra ver: O Fred é mais de receber pra olhar.

4 – Na lata: O Cadu é mais inútil que banquinho em palco de stand-up comedy. 

5 – E o torcedor baiano ficou encantado com o Carlos Eduardo: Não com o futebol, mas com o jeitão de ser.

6 – E no Maracanã, idosos botafoguenses eufóricos com a gratuidade: Só assim pra entrarem no estádio numa faixa.

7 – Fato: Com essa gratuidade para idosos, nunca mais botafoguense vai pagar ingresso.

8 – E os idosos alvinegros foram mais uma vez rebaixados: De “terceira idade” pra “gratu idade”.

9 – Ingresso grátis é mais uma generosa caridade feita com o dinheiro dos clubes FALIDOS E DEVEDORES: Já não bastava o Flamengo bancar os jogos que o Cadu assiste.

171 – É o Cadu inaugurando uma nova modalidade de pay-per-view: O PPV 3-D IMMERSION.

11 – E você aí, que reclama por ter que comprar ingresso de cambista: Agradeça por não ser de doleiro.

12 – O Cáceres é um excelente profissional e tal, mas quando não tá na Seleção paraguaia, tá no departamento médico: É um Maldonado pirata.

13 – “O lateral direito do Flamengo no Sub-17 chama-se Léo Príncipe?” – Lu Mattos: Baita decadência pra quem já teve até Imperador.

14 – Diego Francolino da Silva: Como o cara espera vencer no futebol se opta por ser Diego Silva em vez de Francolino?

15 – Preterido por Autuori no São Paulo, Claudinei no Santos, Dorival no Vasco, Renato no Grêmio, Mano no Flamengo e Luxa no Fluminense, Joel aparentemente está fora do mercado dos times grande e médios. Uma pena, porque já foi um treinador excepcional: Só não me perguntem em qual encarnação, porque aí também já é querer demais!

16 – Enquanto Joel lava com Head & Shoulders…: Luxa vai lavar é com a Unim&d mesmo.

17 – Eu achava que a insistência do Mano com o Cadu fosse bullying com o torcedor, mas me enganei: É “burrying”mesmo.

18 – O azar do Flamengo?: É o Cadu não ser chinelinho.

19 – Mas até que contra o Bahia o Cadu jogou direitinho: Jogou direitinho mais uma chance fora. 

20 – “O futebol está elitizado.” – Elias: Discordo. O futebol está é etilizado.

21 – E não é que o São Paulo se amarrou pra valer nesse enredo da Taça das Bolinhas?: Tanto que em 2014 planeja participar do mesmo campeonato que o Sport.

22 – Twitter Cassetadas da semana (em tempo real só em @rubionegrao)

“Acho que o Atlético e o Cuca não poderão contar com a sorte nos próximos 100 anos.” – Jales, Buteco do Flamengo

“Se o sport ganhar a Sul-Americana, será que a CBF registrará como Libertadores?” – Robson / Campos-RJ, Buteco do Flamengo

Tudo é cíclico no futebol: a Libertadores já foi desprezada, mais tarde, supervalorizada, e agora parece que voltará a ser irrelevante.

“[Pro Atlético] Falta só um mundial, 5 brasileiros, 2 CBs e 32 milhões de torcedores, mas eles estão chegando. Só que não.” – Bcbfla, Buteco

Kalil é um Kleber Leite que deu certo.

“Alexandre Kallil: ‘Libertadores é melhor que mulher.’ Mais um clube entrando para o seleto grupo dos bambis.” – Daniel Oliver, Buteco

É verdade que no jogo contra o Vasco alguns tricolores foram presos tentando contrabUndear mastros de bandeiras pra dentro do Maracanã?

“Adianta ficar remoendo raiva pela conquista dos outros? Só o Flamengo me deixa alegre e só o Flamengo consegue me deixar puto.” Cold Martin

Esse Adriano que estão cogitando no Mengão é o Adriano Gabirú ou o Adriano Caracú?

Até tem, mas não pelo mesmo preço. @Motta_Fla Pipoquinha e chocolate quente pra acompanhar o filme nesse friozinho. Tem coisa melhor?

Aí o vascaíno inventou um remédio que cura gripe em, no máximo, 10 dias.

Eu queria o Cazalbé no Flamengo ONTEM… fazendo a nossa portaria da noite lá da Borges de Medeiros.

Zico dará o pontapé inicial no jogo de domingo? Não daria pra trocar esse pontapé inicial por uma batida de falta na entrada da área?

Após a conquista dramática e cagática da Libertadores pelo Atlético-MG, Botafogo e Fluminense desistiram do projeto. Investirão no Cariocão.

E o Flamengo não cairá, porque é aquele negócio: não caiu até hoje, não cai nunca mais.

O Cruzeiro não “carimbou” a faixa do Atlético-MG, não. O Cruzeiro limpou foi o rabo com a faixa atleticana.

Quem tinha que voltar pra base era o Carlos Eduardo. ‏@CleversonMengo @andres_knoll @Info_Fla Rodolfo voltou pra base.

Contra o Botafogo não aceito outro resultado que não seja a vitória, empate ou derrota.

Ei, botafoguense! Quer fingir que está disputando uma Libertadores? Neste link estão narrando o jogo em espanhol: http://www.rojadirecta.me/goto/psn0.blogspot.com/p/ch5.html

Esse Vitinho é um Negueba que almoça e janta todo dia.

Empate com sabor de Guaraviton! #ChupaBotafogo

O Carlos Eduardo já tá merecendo uma chance de ir embora.

O mais irônico deste Flamengo x Botafogo foi que, apesar de nós estarmos atrás do placar o jogo inteiro, quem escapou da derrota foram eles.

Pra mim, ontem o Luiz Antônio ganhou posição. Não sei exatamente qual, mas ganhou.

“Todo botafoguense é fatalista.” – Romero, Buteco do Flamengo

“Abel se despede do Flu.” A solução? Head & Shoulders‎, Head & Shoulders‎, Head & Shoulders‎, Head & Shoulders‎, Head & Shoulders‎!

“Leandro Salino. ex-lateral-direito do Fla, e destaque do Braga, acertou com Olimpiakos por três anos.” PQP! Como o sacrossanto manto pesa!

“Dirigente do buá chamar algo de patético vale o mesmo que a Bruna Surfistinha chamar alguém de piranha.” – BetoRJ, Buteco do Flamengo

Luxemburgo no Fluminense: 5% confirmado.

“A Nissan podia fornecer uma picape 4×4 no fim do ano pra ver se tira o vice da lama.” – Simario, Buteco do Flamengo

“A Unimed gasta alto com futebol, mas com profissionais de medicina eles devem poupar um bocado.” – Ballem, Buteco do Flamengo

Todo ano que o Bahia está na Série A, nos atrapalha.

Agora o Mano terá que tirar Carlos Leite de pedra.

E não é que o Bahia acabou indo mesmo?

“Os estádios estão elitizados, mas o time não…” – Jean Valjean, Buteco do Flamengo

Os nossos craques acharam uma loucura a recepção no aeroporto na Bahia? Então vamos ver o que eles vão dizer do retorno ao Rio.

Ruim, feio e caro.

E nada mais faço, né não, Cadu, meu rei?

(Ás do quinta-colunismo esportivo, Rúbio Negrão, vulgo Rubro-Negão Trolhoso, vulgo RNT, é cria dos juniores do blog da Flamengonet, e aceita doações de camisas oficiais novas do Flamengo no tamanho G.)

Anúncios

Sobre @rubionegrao

Humildemente, um ás do quinta-colunismo esportivo.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: